faz parte da divisão da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

dispositivos-reducao-agua-torneira.jpg

Dispositivos que contribuem para redução do consumo de água

Diversos fabricantes oferecem produtos que gastam menos água sem prejudicar seu desempenho.

A redução do consumo de água pode ser alcançada com a instalação de dispositivos hidráulicos que controlem vazões e pressões, tais como torneiras e chuveiros com restritores, registros reguladores, torneiras com arejadores, bacias sanitárias com volume de descarga reduzido, sistema de duplo acionamento de descarga, lavatórios com torneiras de fechamento automático, etc. Diversos fabricantes de metais sanitários oferecem produtos que gastam menos água sem prejudicar seu desempenho. Neste artigo, listamos alguns equipamentos.

bacia-caixa-acoplada.jpg

Bacias sanitárias e dispositivos de descarga

Bacias sanitárias são responsáveis pelo maior consumo de água em uma residência e a instalação de equipamentos economizadores em pontos de grande consumo pode reduzir significativamente o volume de água. Dessa forma, a melhor escolha é usar bacia sanitária com caixa acoplada e que cumpra a norma técnica. Atualmente, as bacias já são fabricadas para o acionamento de válvulas de 6 litros. O modelo antigo, com válvula de descarga na parede, consumia, em média 18 litros de água, volume muito maior que o necessário. E esse consumo pode ser infinitamente maior se o usuário mantiver a válvula de descarga apertada, como é o hábito de muita gente. 

Assim, as bacias sanitárias com caixa acoplada vem com uma opção bem inteligente, que economiza ainda mais água. Trata-se do duplo acionamento, de três ou seis litros, para resíduos líquidos ou sólidos, respectivamente. Com esse sistema, pode-se economizar até 60% de água a cada descarga ao escolher a quantidade ideal de vazão. Ou seja, nas reformas ou na construção, não se deve pensar e sempre optar por esse modelo. Economiza-se no bolso e no consumo de água.

Torneiras de lavatórios e cozinhas

A utilização de pequenos artefatos adaptados a torneiras, têm como finalidade uma melhor distribuição do jato de água. Além da uniformização deste, tais peças agem como reguladoras de vazão e redutoras de pressão principalmente em locais destinados a lavagens com manuseio das peças, como, por exemplo, cozinhas e lavabos (já não fazem sentido em torneiras de jardim ou de máquinas de lavar). Tais peças podem significar economia de água, pois permitem um melhor controle de vazão e uma melhor distribuição de água. Efeitos hídricos com peças na forma de turbina aumentam a aceitação das mesmas. A instalação de telas e filtros tem efeito semelhante. Ambos necessitam apenas de cuidados de limpeza.

Pode-se encontrar no mercado diversos tipos e modelos de torneiras destinadas à higiene pessoal, inclusive as torneiras misturadoras com monocomando. O funcionamento básico de todas é semelhante.

Do ponto de vista da conservação da água, nessas torneiras o que interessa é a forma do jato, sua vazão e o tempo de duração do uso. Nesse sentido, é importante que as torneiras sejam incorporados dispositivos que controlem a dispersão do jato e reduzam a vazão e o tempo de duração do uso a um valor mínimo. Para controlar a dispersão do jato e reduzir a vazão, existem dispositivos desenvolvidos com esta finalidade, tais como o arejador, o pulverizador (spray-tap), o atomizador (atomised spray) e o prolongador.

Torneiras acionadas por sensor infravermelho 

Nesse caso, a torneira é dotada de sensor infravermelho, o qual funciona com um conjunto de emissor e receptor. O receptor detecta a reflexão emitida pelo anteparo colocado à frente das mãos e aciona a válvula solenóide que libera a água para o uso. O fluxo cessa quando as mãos são retiradas do campo de ação do sensor. O sensor infravermelho pode estar localizado na própria torneira ou logo acima, na parede. O sistema é alimentado por transformador de baixa voltagem (24V). Alguns modelos são dotados de baterias auxiliares que são acionadas quando falta energia. O sistema controla o tempo de uso da água, evitando assim o desperdício. 

Torneiras com tempo de fluxo determinado 

Esse tipo de torneira é dotado de um dispositivo mecânico que, uma vez acionado, libera o fluxo de água, fechando-se automaticamente após um tempo determinado. Geralmente, encontram-se no mercado essas torneiras dotadas de arejador, melhorando ainda mais o seu desempenho em relação à economia de água. 

chuveiro-banheiro-reducao-agua.jpg

Chuveiros 

Uma alternativa para a redução do consumo de água nos chuveiros, sejam eles de aquecimento integrado ou não, são dispositivos limitadores de vazão, instalados a montante do chuveiro, que, a partir de certa pressão, estrangulam progressivamente a seção da passagem de água, de modo a limitar a vazão em um determinado volume.

Somando-se ao uso equipamentos de baixo consumo de água, outras medidas ainda podem ser adotadas para aumentar a eficiência do uso de água como: reciclagem e o reuso de água; garantia de qualidade dos sistemas hidráulicos; aproveitamento de águas pluviais, entre outras medidas.

Não perca nehuma notícia como esta. Siga o ARQ+ Smart Construction no Instagram: @arqsmartconstruction




Com informações de Sustentabilidade nas Edificações e no Espaço Urbano, Revista AD Normas e ecycle.com.br


 

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar