ARQ+ Smart Construction faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Futuro foi um dos temas debatidos no ARQ+ Smart Construction Talks. Relembre!

fpepegmaraes_highdesign_20190821_0293.jpg

via arcoweb

Ao longo dos três dias da última edição do ARQ+ Smart Construction, foram realizados 12 talks sobre três amplos nichos de interesse da área de arquitetura e construção: Conforto, Tecnologia e Futuro.

Elaborados pela revista PROJETO, em parceria com a ProAcústica e ASPEC PVC, cada dia era também finalizado pelo bloco ARQ+, quando sócios de grandes escritórios abordavam todos os temas e os relacionavam às rotinas de suas próprias equipes e aos nichos específicos de suas principais atividades.

As conversas, de aproximadamente meia hora, foram discutidas por convidados renomados de cada segmento e intermediadas por Fernando Mungioli, Publisher da revista PROJETO.

Os arquitetos Rodrigo AndreolliFlavia Ranieri e Fernando Simon Westphal falaram sobre FUTURO no ARQ+ Smart Construction Talks.

Em Futuro – assunto cuja abordagem se relaciona com quatro grandes segmentos da arquitetura: sustentabilidade, longevidade, mobilidade e acessibilidade – o tema de maior destaque refere-se à arquitetura para idosos, ou até mesmo à construção que se prepara previamente para o envelhecimento de seus usuários, seja particular ou pública: “Duas coisas básicas para a arquitetura longeva seria atenção aos tamanhos de porta e banheiro. O que acontece é que o envelhecimento é um processo gradual, então em uma casa, por exemplo, as adaptações vão sendo feitas ao longo do tempo. Para que uma casa seja longeva, ela teria de estar preparada para receber tais alterações no futuro”, pontuou Flavia Ranieri.

Ainda sobre projetos residenciais, foco da conversa com o FGMF Arquitetos, a conclusão é de que hoje as principais premissas para elaborar uma casa confortável é buscar entender o cliente, seus hábitos e o que se faz necessário para proporcionar o bem-estar em seu lar. Um desses componentes envolve justamente a questão acústica inserida em todos os espaços, que isolem tanto ruídos externos quanto balizem os internos.

Relembre também os temas abordados em Tecnologia e Conforto.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar